The Daily Prosper
Marie Kondo, o cómo ordenar tu espíritu ordenando tu vida

Marie Kondo, como colocar ordem no seu espírito colocando ordem na sua vida

Organizar sua casa pode revolucionar seu modo de vida? A japonesa Marie Kondo diz que sim: seu livro A Mágica da Arrumação se tornou um sucesso mundial de vendas graças a um método, o “Konmari”, baseado na eliminação e que busca uma casa organizada, simples e visualmente equilibrada. Se seguimos cada passo, essa guru da arrumação promete que nossa mente pode se transformar radicalmente.


Seu sistema é exigente, porque é imprescindível se livrar de muitos dos nossos pertences e aprender a armazenar apenas o que é justo e necessário. Algo que custa muito a muita gente. Mas a recompensa que oferece é enorme. Qual é exatamente o método Marie Kondo e por que ele se tornou mundialmente famoso?

 

O que é o método Konmari ou Marie Kondo?

Desde pequena, Marie Kondo se preocupava com a organização de seu quarto. Aos 15 anos ela decidiu converter esse hobby em trabalho e viver da sua paixão. Estudou a arte da arrumação e decoração durante muitos anos, formando-se e aprendendo novas fórmulas de origem japonesa, uma cultura associada ao equilíbrio e ao bem-estar interior e espiritual.

Ela se tornou o que chama de “consultora organizacional”. Seu trabalho é ajudar aqueles que têm problemas em evitar o caos em casa ou no escritório e que se veem totalmente superados e ineficazes por conta da acumulação. Mas ela não chega à casa dessas pessoas e joga tudo fora sem piscar. Nada disso. Para colocar em prática sua arte da arrumação, ela se baseia nos valores pessoais de cada um de seus clientes.

A primeira lição do método Konmari é evitar o armazenamento de milhões de coisas sem uso. Muitos tendem a cair nessa armadilha, juntando e amontoando fortunas em nossos armários e gavetas com a esperança de usá-las algum dia. Segundo o método Marie Kondo essa ideia é apenas uma ilusão, não precisamos dessas coisas, não vamos usá-las e devemos eliminá-las. Você deve terminar com o “se por acaso”. Para alcançar essa eliminação efetiva, é preciso descartar e conservar apenas o essencial, o que nos torna verdadeiramente felizes e provoca sentimentos para além da posse. Isso deve ser feito de uma vez só vez, como se removesse um band-aid. Rápido, indolor e sem se satisfazer muito com isso.

O segundo passo do método Konmari é a categorização de nossos pertences. Você deve reunir tudo o que tem na mesma categoria – seja roupas, livros, documentos, objetos sentimentais, de decoração ou produtos de beleza. Independentemente dos espaços onde estão, retire tudo e coloque tudo junto. De cada um desses conjuntos você deve decidir o que guardar e o que não precisa. Dessa forma tão visual, observando e analisando tudo como um todo, é mais fácil reconhecer o que você não usa. Você tem sete xampus? Maquiagem que nunca usou? Três camisas idênticas? Quatro potes diferentes de orégano? Amostras de colônia de mil anos atrás? Ver o que resta na sua vida será algo imediato.

 

Como dobrar as roupas no método Konmari?

Uma vez terminado o processo de seleção, deparamo-nos com os truques para organizar de forma eficiente. O exemplo perfeito é a roupa. Como organizar um guarda-roupa perfeito? A primeira coisa é dividir as roupas por categorias, da mesma forma que fizemos com o resto dos objetos domésticos: camisas, calças, vestidos, blusas etc. Em seguida, dobramos tudo e colocamos verticalmente, em vez de horizontalmente. Tudo estará visível e será mais confortável e rápido de encontrar.

Para dobrar as roupas em posição vertical, coloque-as sobre uma superfície plana, dobrando as mangas para dentro. Em seguida, dobre a peça ao meio como quando terminamos de passar a roupa. E, então, dobramos novamente ao meio, fazendo um pequeno pacote, confortável de armazenar, guardando a parte dobrada para cima para que ela não enrugue ou se desdobre ao retirar e/ou colocar outras peças de vestuário.

Em relação à roupa pendurada, o melhor é fazê-lo em função do peso visual de cada uma: à direita, as roupas mais leves, de verão, com cores chamativas; e à esquerda as mais pesadas, como casacos, calças jeans ou malhas de lã. Quer dar mais emoção? Coloque fotos, cartazes ou adesivos nas paredes internas do armário para fazer você se sentir feliz e orgulhoso. Será uma satisfação real se vestir cada manhã.

 

Quais são os principais benefícios da mágica da arrumação?

O principal objetivo do método Marie Kondo é nos ensinar a organizar uma casa, mas também existem outras vantagens. O principal de todos é nos fazer felizes. Por isso, a organizadora japonesa não se centra na funcionalidade dos objetos para manter ou jogar coisas fora, mas sim no grau de satisfação que produz.

A isso se soma uma sensação de autoestima e autoconfiança, porque livrar-se de pertences que não usamos e doá-los a outras pessoas ou lugares nos ajuda a limpar nossa consciência, ter uma mente mais equilibrada (assim como nossa casa) e enfocar no presente. À medida que você reduz seus objetos de valor, chega um momento em que tudo se encaixa, você alcança a quantidade certa para você e a ordem desejada. E é quando você sente a felicidade absoluta. Há, inclusive, admiradores da guru da arrumação que afirmam ter acabado de organizar tudo e descobrir o que eles queriam fazer de suas vidas.

Custa muito dar esse primeiro passo, mas quando você consegue se sente melhor consigo e essa é um dos benefícios espirituais da arrumação.  “Quando você coloca ordem por completo no seu espaço, transforma o cenário que o rodeia e a mudança é tão profunda que você sentirá que vive em um espaço diferente”, promete a guru. As bases? Faça isso de uma vez e seja sincero com você para que a mudança seja a mais radical possível. E então, se atreve?