Robôs “agricultores” para transformar as tarefas nos campos de cultivo

A FarmWise, fundada por Sébastien Boyer, bane o uso de químicos nos campos de cultivo e automatiza as tarefas agrícolas com inteligência artificial para serem mais eficientes.

A leitura vai levar 1 minutes

A start-up FarmWise, fundada por Sébastien Boyer, bane o uso de químicos nos campos de cultivo e automatiza as tarefas agrícolas com inteligência artificial para serem mais eficientes


Na literatura americana do século XIX, o célebre conto O mágico de Oz, de L. Frank Baum, já esboça alguns traços do cenário do futuro. Um espantalho e um homem de lata caminhando juntos por enormes campos de cultivo. O símbolo da agricultura mais tradicional, somado à colaboração de autômatos, é uma combinação que se aproxima da realidade atual graças a empresas como a FarmWise.

Fundada em 2016, esta start-up francesa comercializa robôs autônomos que utilizam algoritmos de visão artificial para navegar de forma autônoma através de plantações e analisar a tipologia e o estado das plantas em tempo real. “Estes robôs não apenas automatizarão as tarefas agrícolas, mas também otimizarão drasticamente as decisões de cultivo ao dispor de dados detalhados de plantação”, afirma o CEO da empresa, Sébastien Boyer.

Ao automatizar os processos, os trabalhadores podem relegar estas tarefas e dedicar-se a supervisionar o crescimento e as necessidades dos cultivos de forma mais precisa. Desta maneira, a FarmWise ajuda a “economizar custos e potencializar a produtividade humana dos plantios”, destaca Sébastien.

Além disso, a empresa oferece uma alternativa mais sustentável, pois evita o uso de químicos durante os processos agrícolas: “A erva daninha é o principal propulsor do uso de químicos nas plantações. Nós a eliminamos antes que seja necessário o uso de herbicidas”. Este ponto é especialmente positivo para Sébastien, pois ele explica que os herbicidas representam 75% dos químicos empregados no setor.

Graças a este enfoque que causa uma ruptura no âmbito agrícola, Sébastian se transformou em um dos ganhadores dos prêmios Inovadores menores de 35 Europa 2018 pela MIT Technology Review em espanhol. Também foi incluído na lista Forbes ’30 Under 30′, que reconhece os talentos de jovens empresários. A empresa já estabeleceu várias colaborações com algumas das maiores propriedades de cultivo dos Estados Unidos e está implementando sua tecnologia para que os robôs agricultores autônomos comecem a se transformar em outro símbolo das rotinas do campo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar