Arte contemporânea gratuita em todas as telas

Dot Bustelo criou a Loupe, plataforma de streaming que oferece obras de arte contemporânea que podem ser desfrutadas em qualquer tela.

A leitura vai levar 1 minutes

Dot Bustelo criou a Loupe, plataforma de streaming que oferece obras de arte contemporânea que podem ser desfrutadas em qualquer tela.


Quando pensamos em arte contemporânea, imediatamente vem à nossa cabeça um museu ou galeria. Muitos artistas acabam não tendo suas obras expostas nem chegam ao grande público por conta das limitações destes formatos. Situação que Dot Bustelo, ex-especialista em software e vendas da Apple, resolveu mudar.

Sua proposta é a Loupe, plataforma de streaming cujo produto não são músicas, filmes nem séries, mas arte. O nome escolhido é um jogo de palavras fonético em inglês que combina os conceitos de lupa (loupe) movimento circular (loop) e define a essência do seu projeto. Trata-se de um depósito de arte que podemos ter acesso através de qualquer dispositivo e que vai nos mostrando obras de diversos artistas contemporâneos.

Cada imagem é mostrada ampliada, ocupando toda a tela. Antes de passar à seguinte, o usuário tem a opção de clicar para ver o nome do artista, a descrição da obra e, caso goste, adquirir uma cópia física. No catálogo, podem ser encontradas pinturas a óleo, fotografias, colagens ou ilustrações aglutinadas em categorias como Arte de Nova York, Abstrata, Psicodelismo surrealista ou A forma humana.

Dot Bustelo lançou esta aventura em 2015, com a intenção de “tornar a arte acessível a todo mundo”. Seu objetivo era duplo: queria oferecer ao público uma janela de acesso à arte contemporânea ao mesmo tempo em que deixava à disposição dos artistas uma vitrine que permitiria alcançar mais gente. Sob a mesma premissa, ela mantém seu projeto atualmente. E embora não descarte ampliar o catálogo com obras de outros períodos, por enquanto centra-se em peças atuais. 

No momento de lançar a plataforma, Dot Bustelo era reconhecida por sua trajetória na produção e design musical. Ela confessa que criou a Loupe pois “percebi que não existia nenhuma plataforma que oferecesse arte contemporânea de forma simples e acessível”. Hoje, a Loupe reúne 140 artistas de 18 países, como EUA, Espanha, Reino Unido e Brasil.

Além de chegar às salas das casas dos amantes de arte contemporânea, a Loupe está presente em aeroportos, restaurantes, hotéis e eventos privados de vários tipos. Graças a esta plataforma, a arte contemporânea aproximou-se mais do que nunca do público.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Um aplicativo para potencializar as garagens

Homyhub, vencedor de um dos prêmios de empreendedorismo Explorer 2018 do Banco Santander, pretendia transformar o celular em um controle inteligente de garagem e conseguiu muito mais do que isso.

A mobilidade do futuro já está aqui

O futuro da mobilidade começa hoje. Em alguns poucos anos não vamos tocar um volante e, talvez, nem sequer vamos nos deslocar de carro.