Aprenda a conciliar sua rotina esportiva e laboral


A leitura vai levar 2 minutes

Sempre que falamos de conciliação, o primeiro que pensamos é em compatibilizar a vida familiar e a vida profissional. Um conceito que na Espanha ainda não está 100% presente. Todos nós já trabalhamos em lugares onde, afinal, passamos mais horas do que aquelas necessárias para manter um alto nível de produtividade. No entanto, o conceito de conciliação é muito mais amplo e também deve incluir outros elementos, como o lazer e, mais especificamente, a prática de esportes.


Os benefícios da atividade física feita de maneira regular são inegáveis. Ter uma rotina esportiva compatível com o desempenho laboral melhora a função mental, a autonomia, a memória, a velocidade no desempenho das tarefas e a sensação de bem-estar. O estilo de vida sedentário é um obstáculo para o pleno desenvolvimento de uma pessoa e, portanto, é necessário praticar esporte, especialmente se seu posto de trabalho promove o sedentarismo.

A conciliação neste aspecto muitas vezes é difícil. Embora na Espanha isso seja menos comum do que deveria ser, existem empresas que defendem a necessidade de compatibilizar esses dois mundos e apresentam uma oferta esportiva. É o caso do Banco Santander, que conta com umas instalações na Ciudad Financiera de Boadilla del Monte, em Madrid, com uma grande variedade de atividades esportivas e um amplo horário para cobrir as necessidades de todos os funcionários, inclusive abrindo suas portas nos finais de semana.

Se você não trabalha em um lugar com esse perfil, não se preocupe – existem algumas diretrizes que permitem conciliar os esportes e o trabalho. E você vai poder fazer exercício mesmo se tiver um emprego que exige estar várias horas no escritório, sem margem para ir à academia. Vamos repassar algumas delas:

Crie uma programação e planifique sua atividade

Em primeiro lugar, crie um calendário e anote todas as atividades obrigatórias e urgentes, começando pelo sono. De nada adianta se exercitar frequentemente se você não dorme entre sete e oito horas por dia. Em seguida, estabeleça o tempo dedicado ao trabalho. Se você trabalha pela manhã e à tarde, você pode dedicar metade do horário de almoço para praticar alguma atividade física. E se seu turno é contínuo, o melhor é, na medida do possível, exercitar-se antes de entrar no trabalho.

Que a academia esteja por perto

Se você quer fazer esporte para estar bem, e não para participar de competições, então entre 45 minutos e 1 hora de atividade física por dia é suficiente. E para otimizar seu tempo, o ideal é procurar uma academia perto de onde você trabalha, alcançando assim dois objetivos: perder pouco tempo nos deslocamentos e evitar as desculpas para ir a treinar.

Constância e disciplina

Depois de decidir quando e onde você vai praticar esporte, vem a coisa mais difícil: cumprir a promessa e manter a rotina estabelecida. É normal que um dia você não possa ir à academia porque tem alguma obrigação profissional ou familiar, mas você deve tentar não perder o ritmo, porque é difícil recuperar o tempo perdido. É inútil treinar com regularidade durante três meses e “abandonar o barco” por uma ou duas semanas.

Conciliar esporte e família

Se você tem parceiro e filhos, também será preciso inserir o componente familiar ao elaborar sua estratégia para conciliar esporte e trabalho. Uma das melhores maneiras é procurar atividades nas quais participe toda a família (pelo menos uma vez por semana), para passar mais tempo com eles e transmitir o hábito do esporte. Natação, caminhada, esportes de equipe ou a tradicional bicicleta são boas opções.

A moderação é fundamental: conserve energia

Você deve ter cuidado com a atividade física que pratica. Se escolhe um esporte muito intenso, talvez provoque o oposto do que estava buscando. Além disso, se nos dias em que vai treinar, você realiza atividades de trabalho que não o fazem consumir muita energia, é bem capaz de você chegar em casa em condições de desfrutar sua família ou sair com os amigos. O segredo, sempre, é a moderação.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Como se desconectar da vida digital em seis passos

Se você comemora quando a bateria do celular acaba, cheira as páginas…

É possível curar o envelhecimento? As células dizem sim

A empresa Senolytic Therapeutics, do espanhol Marc Ramis, vem pesquisando há anos como eliminar um tipo de célula intimamente relacionada à velhice.

Inovação e desenvolvimento para a Fórmula 1 das cadeiras de rodas

Conheça a história de Mikel Bidaurre, um atleta excepcional que sofreu um…